印刷する
Partilhar

Estudo de Investidores Globais

Pedir ajuda? Os investidores Millennial sinalizam a necessidade de ajuda presencial no momento do investimento

Apesar de sobrestimarem as suas próprias competências no que diz respeito ao investimento, os investidores estão dispostos a aprender mais para evitar eventuais problemas financeiros futuros.

12/09/2016

Um novo estudo global mostra que os investidores mais jovens são mais propensos a recorrerem à ajuda de consultores financeiros.

Os "Millennials", pessoas com idade entre 18 e 35, indicaram que estão mais dispostos a aceitar aconselhamento individual de um profissional de investimento: 46% dos investidores Millennials dizem que gostariam de saber mais sobre investimentos conversando com um consultor financeiro, em comparação com 41% dos investidores com idade igual ou superior a 36.

As conclusões fazem parte de um grande estudo que envolve 20.000 investidores de 28 países, em que cada um dos quais investiu, pelo menos, o equivalente a 10.000 euros, que aponta para um forte desejo de saber mais sobre investimentos.

O Estudo da Schroders sobre Investidores Globais concluiu que cerca de nove em cada dez investidores queriam melhorar os seus conhecimentos em matéria de investimento. Os resultados surgem num momento crucial para os mercados mundiais, e os potenciais retornos que daí possam advir, em virtude do crescente clima de incerteza política a nível global.

A pesquisa demonstrou também disparidades entre as regiões, com mais investidores asiáticos a expressarem um desejo de aprofundar os seus conhecimentos do que os investidores europeus. Por países, na Europa, os holandeses eram menos propensos a querer aprender e os italianos os mais propensos.

O Estudo da Schroders sobre Investidores Globais de 2016 revelou que:

  • 89% dos investidores a nível global quer aprender mais para os ajudar a perceber os investimentos que fazem
  • 94% da geração "millennials" a nível global gostaria de aprofundar os seus conhecimentos sobre investimentos
  • Falar com um consultor financeiro continua a ser uma escolha preferencial entre os investidores antes de tomar uma decisão de investimento

A vontade demonstrada em aprofundar conhecimentos sobre os investimentos deve ser considerado como fator tranquilizador pelos responsáveis políticos. Ao aprofundarem os seus conhecimentos sobre investimentos e falarem com um consultor independente antes de tomar uma decisão final, os investidores poderão evitar armadilhas financeiras.

Isso também é particularmente importante dado que o estudo demonstrou igualmente que muitos investidores estavam demasiado confiantes quanto aos conhecimentos detidos sobre os investimentos e tinham expetativas potencialmente irrealistas em relação aos seus objetivos financeiros. Esta combinação pode significar que eles arriscam ficarem dececionados quanto ao cumprimento das suas metas financeiras futuras.

O estudo 2016 também demonstrou que:

  • Apenas 13% dos investidores a nível mundial admitem ter uma compreensão do investimento abaixo da média
  • 63% não identificaram corretamente o que um gestor de investimentos ou gestor de fundos faz
  • Os investidores, em média, esperavam um retorno de 9,1% nos seus investimentos anuais

Porque razão é que a orientação é cada vez mais importante

A crise do crédito de 2008 foi uma reviravolta no mundo dos investimentos. Durante boa parte dos últimos 20 anos, os investidores desfrutaram de níveis de crescimento e de retornos de investimento sem precedentes.

Agora vivemos num mundo de taxas de juros, crescimento e retornos baixos que são consequentemente menores do que os investidores recebiam anteriormente. 

É um mundo onde os políticos estão a ficar sem opções para impulsionar o crescimento e ainda assim os investidores, confiantes no que sabem sobre investimentos, esperam um retorno dos seus investimentos perto dos dois dígitos.

Os investidores têm necessidade de aprofundar conhecimentos sobre os seus investimentos, razão pela qual o setor da gestão de investimentos precisa de ser mais aberto e fazer mais para satisfazer a vontade que os investidores têm em aprender.

 

A nível mundial, a percentagem de investidores que deseja saber mais sobre os seus investimentos é elevada

 

Fonte: Estudo da Schroders sobre investidores globias 2016. 

Os consultores de investimento têm de se envolver

Embora os investidores tenham uma vontade sã de serem autodidatas (42% faria a sua própria investigação através de sites financeiros independentes), metade (50%) iria, mesmo assim, falar com um consultor financeiro antes de tomar uma decisão final de investimento.

Talvez surpreendentemente, dada a rapidez com que a tecnologia está a avançar no mundo das finanças, a geração "millennials" (aqueles com idade entre 18 e 35) parece ser a mais disposta a aceitar conselhos de um profissional de investimento: 46% dos investidores Millennials dizem que gostariam de saber mais sobre investimentos conversando com um consultor financeiro, em comparação com 41% dos investidores com idade igual ou superior a 36.

Quando, na verdade, se trata de tomar uma decisão de investimento, a geração "millennials" foi novamente mais propensa a falar com um consultor financeiro em primeiro lugar com mais de metade (51%) propensos a querer um contacto humano, em comparação a 49% com 36 ou mais anos.

Apesar dos avanços tecnológicos e do advento de "consultores-robô", onde sites fazem perguntas sobre riscos e objetivos antes de oferecer soluções de investimento, a maioria dos investidores ainda prefere falar com um consultor financeiro independente antes de tomar a sua decisão de investimento final.

Metade dos investidores ainda quer falar com um profissional financeiro antes de tomar uma decisão de investimento

 

 Fonte: Estudo da Schroders sobre investidores globais 2016

 

Sheila Nicoll, Diretora de Políticas Públicas da Schroders, afirmou: "Há claramente uma necessidade de confirmação antes de tomar decisões de investimento, sublinhando a necessidade de procurar os serviços de empresas de gestão de investimentos e de consultores financeiros.

"O mundo dos investimentos pode ser assustador e mais ainda agora com a complicação adicional de crescente incerteza política global. Por isso, é essencial que quem domine a matéria use os seus conhecimentos em prol daqueles que precisam e querem saber."

Para conhecer a história completa e infografia interativa, vá a www.schroders.pt/gis ou descarregue o relatório completo abaixo.

Pode testar os seus conhecimentos de investimento com a nossa ferramenta QI de rendimentos, a qual revelará os seus desvios comportamentais e fornecerá sugestões úteis para capacitá-lo a tomar melhores decisões de investimento.

Notas: Acerca do Estudo da Schroders sobre Investidores Globais 2016

A Schroders encarregou a Research Plus Ltd de realizar, entre 30 de março e 25 de abril de 2016, um estudo independente on-line de 20 000 investidores em 28 países no mundo inteiro, incluindo Austrália, Brasil, Canadá, China, França, Alemanha, Índia, Itália, Japão, Países Baixos, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos. Esta investigação define "investidores" como aqueles que investirão pelo menos 10.000 euros (ou o equivalente) nos próximos 12 meses e que fizeram alterações nos seus investimentos nos últimos cinco anos. Estas pessoas representam as opiniões de investidores em cada país incluído no estudo.

Informação Importante: Este documento tem apenas fins informativos e não pretende servir de material promocional, qualquer que seja o sentido. O documento não pretende ser uma oferta ou solicitação para a compra ou venda de qualquer instrumento financeiro. O documento não se destina a fornecer, e não deverá ser considerado como um aconselhamento contabilístico, jurídico ou fiscal, ou como uma recomendação de investimento. A informação é fiável mas a Schroders não garante a sua plenitude e precisão. Nenhuma responsabilidade pode ser aceite em caso de erros, factos ou opiniões. Os pontos de vista e a informação constantes do documento não devem servir de base para o investimento individual e/ou decisões estratégicas. O desempenho anterior não é um indicador confiável dos resultados futuros. O valor das ações e a renda podem cair ou crescer e os investidores podem não receber a quantidade originalmente investida. Emitido por Schroder Investment Management Limited, 31, GreshamStreet, London, EC2V7QA, I autorizada e regulada pela Financial Conduct Authority. Para sua segurança, as comunicações podem ser gravadas ou monitorizadas.
As previsões indicadas no documento são o resultado de modelação estatística, baseada numa série de pressupostos. As previsões estão sujeitas a um elevado nível de incerteza relativamente a fatores de mercado e económicos futuros que podem afetar o desempenho futuro real. As previsões são fornecidas para fins informativos à data de hoje. Os nossos pressupostos podem mudar materialmente com alterações nos pressupostos subjacentes que possam ocorrer, entre outras coisas, uma vez que as condições económicas e de mercado se alteram. Não assumimos qualquer obrigação de lhe fornecer atualizações ou alterações a estes dados, visto que os pressupostos, as condições económicas e de mercado, os modelos ou outra alteração nas matérias se alteram.

Read the full report

8 pages | 340 kb

DOWNLOAD

Topics:

  • Global
  • Global Investor Study
  • Global Investor Study - Investor Engagement