/pt/sysglobalassets/events/road-show-2019/lens_thick_light.svg

Produção Inteligente

Entre hoje mesmo no mundo do novo renascimento industrial

Schroder ISF Smart Manufacturing

A inovação está a impulsionar uma 4.ª revolução industrial, uma nova era de “produção inteligente”.
Com a crescente procura de digitalização, automação e eficiência decorrente da COVID, a temática está bem posicionada para avançar.
Identificar já os inovadores e os impulsionadores capazes de capitalizar com a crescente adesão a métodos de produção inteligente cria oportunidades de crescimento do capital a longo prazo.

Destaques

5 subtemas relacionados com a produção inteligente

Análise de dados e software: Manutenção preditiva, otimização da produção

 Meios de produção avançados: Sistemas de produção agilizados, Lasers

Materiais tecnologicamente avançados: De baixo peso, nanomateriais

Automação: Robótica, sensores e comandos

Especialistas neste domínio: Potenciar as Prop Tech, base instalada de características únicas

Ajudar as empresas a aumentarem os lucros

Em termos económicos, a produção inteligente nunca fez tanto sentido como agora. A tecnologia e a disponibilidade de dados passíveis de serem processados possibilitam eficiências na produção, a diminuição dos resíduos gerados e dos tempos de paragem, a redução do consumo energético e promovem a inovação em toda a cadeia de valor da produção. Em conjunto, estes avanços estimulam a produtividade e, em última instância, os lucros.

Construir um mundo mais sustentável

A produção inteligente serve para construir um futuro mais sustentável. As empresas não estão apenas a fazer coisas com maior qualidade, estão igualmente a melhorá-las. Ao diminuir o consumo energético e os resíduos gerados, as pegadas carbónicas podem ser substancialmente reduzidas. Por exemplo, os materiais inovadores servem para criar compostos mais baratos e resistentes. Estes são leves e eficientes em termos energéticos, proporcionando significativas poupanças de combustível.

Dar resposta a imperativos demográficos

A produção inteligente está a ajudar a manter o crescimento face ao envelhecimento das populações e ao crescente défice de competências. A automação tem aqui um papel relevante e faz sentido que as máquinas passem a fazer o trabalho que, para um ser humano, seria eventualmente monótono ou mesmo perigoso. Estes avanços tecnológicos contribuíram para a criação de empregos totalmente novos, gerando mais inovação e oportunidades antes inimagináveis.

Considerações sobre os riscos

  • IBOR: A transição dos mercados financeiros afastando-se da utilização das taxas interbancárias (IBOR) para taxas de referência alternativa pode afectar a avaliação de determinadas participações e afectar a liquidez em determinados instrumentos. Isto pode afectar o desempenho do investimento do fundo.
  • Risco de desempenho: Os objectivos de investimento indicam um resultado pretendido, mas não existe qualquer garantia de que tal resultado seja alcançado. Dependendo das condições do mercado e do ambiente macroeconómico, os objectivos de investimento podem tornar-se mais difíceis de alcançar.
  • Risco operacional: Os processos operacionais, incluindo os relacionados com a protecção dos activos, podem falhar. Isso pode resultar em perdas para o fundo.
    Risco cambial: O fundo pode perder valor como resultado de movimentos em taxas de câmbio.
  • Risco de derivados – Gestão eficiente da carteira: Podem ser utilizados derivados para gerir a carteira de forma eficiente.
  • Um derivado pode não apresentar o desempenho esperado, pode gerar perdas superiores ao custo do derivado e pode resultar em perdas para o fundo.
  • Risco de liquidez: Em condições de mercado difíceis, o fundo poderá não conseguir vender um título pelo valor total ou mesmo vendê-lo. Isto pode afectar o desempenho do fundo e pode fazer com que o mesmo adie ou suspenda resgates das suas unidades de participação.
  • Risco de concentração: O fundo pode estar concentrado num número limitado de regiões geográficas, sectores de indústria, mercados e/ou posições individuais. Isso pode resultar em aumentos ou diminuições significativos no valor do fundo.
  • Risco de contraparte:O fundo poderá ter compromissos contratuais com contrapartes. Se uma contraparte não for capaz de cumprir as suas obrigações, o montante que tenha em dívida para com o fundo poderá não ser recuperado na totalidade ou em parte.

Este conteúdo é emitido pela Schroder Investment Management (Europe) S.A., 5, rue Höhenhof, L-1736 Senningerberg, Luxemburgo. Registo n.º B 37.799.

A Schroders é uma gestora de ativos a nível mundial que opera em 37 localizações da Europa, América, Ásia, Médio Oriente e África.




Locais no mundo inteiro

Para mais questões, utilize o nosso formulário de contato on-line.

Formulário de contato